Chamada para a antologia ‘Os segredos que nunca compartilhei’
em 11/02/15, às 03:01, arquivado em Novidades

345fef3

Organização: Projeto Beletristas

A proposta da antologia ‘Os segredos que nunca compartilhei’ é estimular a criatividade e originalidade do autor contando os segredos de algum personagem, ou até mesmo os seus, em contos que devem ter  entre 20.000 e 28.000 caracteres com espaço. Os contos que ultrapassarem estes limites não serão automaticamente descartados, desde que apresentem qualidade literária e se enquadrem na proposta da antologia.

‘Os segredos que nunca compartilhei’ receberá contos entre os dias 11/2/15 e 20/05/15*. As histórias não enviadas no período estipulado serão automaticamente excluídas da seleção; mesmo que apresentem qualidade literária.

Ao submeter seu trabalho por e-mail tenha o cuidado de manter um endereço eletrônico ativo, além de não se esquecer de dados essenciais como: nome, data de nascimento, cidade/estado e telefone. As submissões deverão ser feitas através do endereço eletrônico editora.buriti@gmail.com. A inscrição será confirmada após pagamento da taxa de R$ 10, em conta bancária discriminada pela Editora no ato da submissão.

 * O prazo poderá ser alterado.

Mais sobre o tema: 

Todo mundo tem seus segredos – alguns deles, escondidos a sete chaves, que, por sua vez, estão protegidas em lugares que talvez nem os próprios donos possam encontrar.

Um segredo (ou dois, ou três, ou mais) faz de você quem você é, molda sua personalidade. Uma aventura de infância, adolescência ou já na fase adulta. Uma confissão que mudaria a perspetiva que as pessoas têm de você. Talvez você não queira que te conheçam, talvez sua máscara caiba bem.

Talvez não. Talvez você encontre alguém que queira conhecer tão bem a ponto de encontrar as chaves, testar cada fechadura e ir abrindo cadeado por cadeado. Sem fugir, sem medo, sem receio. Sem passos incertos. De repente, com tudo isso – mas o amor… Quem vai dizer não quando o coração diz que sim?

Aqui não tem muito espaço para debates entre razão vs. coração. Cabe apenas aprender a lidar com segredos, obscuros ou não, de cada um e, quem sabe, descobrir um pouco mais sobre alguém que você imaginava já saber tudo.

Às vezes, não sabemos nada.


por Editora Buriti Comentários

Posts Relacionados



Nenhum comentário em “Chamada para a antologia ‘Os segredos que nunca compartilhei’”


Comentar