Trabalhando no Ciclo do Dragão
em 28/03/13, às 21:06, arquivado em Novidades

“Fazer o copidesque de ‘O Ciclo do Dragão’ foi um desafio tentador que eu não pude recusar.  Para quem não sabe, o copidesque é um melhoramento do texto, de forma a tornar a leitura mais confortável. Em um exemplo mais visual, podemos comparar um texto a um corte de cabelos curtos, que já passou do tempo de cortar novamente; então o cabelo vai crescendo e o corte vai perdendo a forma. Nesse sentido, o copidesque vai lá com a tesoura, com o gel, com o secador ou o que precisar o texto/cabelo, de modo a deixá-lo com o corte perfeito – assim as pessoas poderão admirá-lo melhor e valorizá-lo em todos os seus detalhes.

‘O Ciclo do Dragão’ estava assim. Uma história boa, com bastante personagem e um fôlego intenso, mas que precisava ter um melhor acabamento. Foi isso que fiz e fico feliz com o resultado final da história. Num momento em que a literatura brasileira está se erguendo – e com força – mundo afora, é legal saber que há histórias para todos os gostos e públicos, como é o caso da jornada de Sarah, essa protagonista-guerreira a quem é dada uma grande responsabilidade, mas que, porém, não deixa de ser uma jovem com sonhos e aspirações.” – Janda Montenegro.

* Janda Montenegro é produtora editorial e crítica literária, formada em Letras pela UFRJ e pós-graduada pela Estácio de Sá. Em 2010 lançou Antes do 174 pela ed. Íbis Libris e desde 2009 organiza os encontros do grupo Skoob no Rio de Janeiro.

‘Ciclo do Dragão: O Caminho do Guerreiro’ é um romance escrito pela paranaense Carolina Contini, a ser lançado neste semestre pela Editora Buriti. Saiba mais: http://migre.me/dT5xx


por Editora Buriti Comentários

Posts Relacionados



Nenhum comentário em “Trabalhando no Ciclo do Dragão”


Comentar


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *